Home > Atualidade > Destaques > Rio de Janeiro recebe pela primeira vez na história a Extreme Sailing Series

Search
Filter by Custom Post Type
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in comments
Search in excerpt

Atalhos de busca: Hospedagem, Gastronomia, Eventos, Passeios, Praias, Centro Histórico

{ "homeurl": "https://www.paratyonline.com/jornal/", "resultstype": "vertical", "resultsposition": "block", "itemscount": 5, "imagewidth": 70, "imageheight": 70, "resultitemheight": "auto", "showauthor": 0, "showdate": 0, "showdescription": 1, "charcount": 3, "noresultstext": "Sem resultados.", "didyoumeantext": "Você quis dizer:", "defaultImage": "https://www.paratyonline.com/jornal/wp-content/plugins/ajax-search-pro/img/default.jpg", "highlight": 0, "highlightwholewords": 1, "openToBlank": 1, "scrollToResults": 1, "resultareaclickable": 1, "autocomplete": { "enabled": 1, "googleOnly": 0, "lang": "pt", "mobile": 1 }, "triggerontype": 1, "triggeronclick": 1, "triggeronreturn": 1, "triggerOnFacetChange": 1, "trigger": { "delay": 300, "autocomplete_delay": 310 }, "overridewpdefault": 0, "override_method": "post", "redirectonclick": 0, "redirectClickTo": "results_page", "redirect_on_enter": 0, "redirectEnterTo": "results_page", "redirect_url": "?s={phrase}", "settingsimagepos": "left", "settingsVisible": 0, "hresulthidedesc": "1", "prescontainerheight": "400px", "pshowsubtitle": "0", "pshowdesc": "1", "closeOnDocClick": 1, "iifNoImage": "description", "iiRows": 2, "iiGutter": 5, "iitemsWidth": 200, "iitemsHeight": 200, "iishowOverlay": 1, "iiblurOverlay": 1, "iihideContent": 1, "loaderLocation": "auto", "analytics": 0, "analyticsString": "", "show_more": { "url": "?s={phrase}", "action": "ajax" }, "mobile": { "trigger_on_type": 1, "trigger_on_click": 1, "hide_keyboard": 0 }, "compact": { "enabled": 0, "width": "100%", "closeOnMagnifier": 1, "closeOnDocument": 0, "position": "static", "overlay": 0 }, "animations": { "pc": { "settings": { "anim" : "fadedrop", "dur" : 300 }, "results" : { "anim" : "fadedrop", "dur" : 300 }, "items" : "fadeInDown" }, "mob": { "settings": { "anim" : "fadedrop", "dur" : 300 }, "results" : { "anim" : "fadedrop", "dur" : 300 }, "items" : "voidanim" } }, "autop": { "state": "disabled", "phrase": "poco", "count": 10 } }

Rio de Janeiro recebe pela primeira vez na história a Extreme Sailing Series

Torben Grael sará o comandante do “Team Brasil” entre 06 e 09 de dezembro, quando o Act 8 Rio vai oferecer disputas emocionantes a bordo de catamarãs Extreme 40 na última etapa do circuito mundial da modalidade. O evento terá ainda prova de windsurfe e arena VIP para convidados.


O Rio de Janeiro vai parar para assistir a oitava e última etapa da Extreme Sailing Series em percursos montados em frente à Praia do Flamengo e de Copacabana, principais cartões portais da Cidade Maravilhosa. Em um evento que alia o glamour das velas e da arena VIP com a emoção das disputas de catamarãs Extreme 40 dentro d´água, será conhecido o time campeão da temporada 2012, que já passou por Omã, China, Turquia, Portugal, Reino Unido e França e, pela primeira vez na história, desembarca no Brasil.

A largada da primeira prova será dada na quinta-feira, 06 de dezembro, na Praia de Copacabana, e o evento seguirá para a Praia do Flamengo nos dias seguintes, até o desfecho final, dia 09.

O diferencial da Extreme Sailing Series para outras competições náuticas é a proximidade da regata à costa e a preocupação com seus convidados. As disputas poderão ser vistas de terra firme, bem próximo aos percursos, na Praia do Flamengo, a partir do dia 07 de dezembro. Assim, o público presente poderá acompanhar de perto todas as estratégias adotadas pela tripulação dos nove barcos multicasco envolvidos nos embates. Enquanto assistem ao espetáculo do “balé aquático”, poderão aproveitar a presença de DJs embalando o ambiente e toda a hospitalidade de primeira classe oferecida pela organização. Alguns sortudos poderão ainda ser escolhidos para velejar a bordo das embarcações durante as disputas – uma experiência única!

As equipes cotam com velejadores renomados que somam nada menos que 22 campanhas Olímpicas, 33 participações em America´s Cup e sete circunavegações. Uma verdadeira constelação! Fazem parte do circuito os times: Alinghi (Suíça), GAC Pindar (Grã-Bretanha), Groupe Edmond de Rothschild (França), Oman Air (Omã), Red Bull Sailing Team (Áustria), The Wave, Muscat (Omã), ZouLou (França) e SAP Extreme Sailing Team (Dinamarca).

O evento, que já passou por sete cidades em três continentes diferentes em 2012, tem como estrela principal os catamarãs de 12 metros de comprimento e 8 metros de largura, com mastros de 19 metros de altura. Dependendo da força dos ventos, chegam a levantar um dos cascos da água, e podem atingir a velocidade de 74km/h.

Além dos catamarãs, os windsurfers também têm vez na Extreme Sailing Series. A Jaguar NeilPryde Racing Series é uma disputa da modalidade válida pelo Circuito Mundial da classe RS:One, homologada pela ISAF (International Sailing Federation). As disputas do sábado à noite, 08 de dezembro, serão especiais, já que os windsurfers serão iluminados por equipamentos de LEDs e acrescentarão um colorido especial ao cenário.

Team Brasil

Os catamarãs Extreme 40 vem pela primeira vez a América do Sul e o Brasil será representado por três membros da família Grael, além de André Mirsky, Alex Welter e do português Diogo Cayolla. O “Team Brasil”, que fará parte da disputa como a equipe convidada do país sede do evento, terá um dos maiores nomes do esporte Olímpico brasileiro, Torben Grael, como comandante.

Dono de cinco medalhas Olímpicas – sendo duas delas de ouro – Torben se encaixa perfeitamente na liderança de um time formado para homenagear medalhistas Olímpicos brasileiros e futuras estrelas do esporte. Ele será acompanhado por seu filho, Marco, da mais nova geração da família Grael que representará o país no Rio em 2016 na classe 49er. O técnico dessa equipe, e tripulante reserva, será Lars, que também tem na carreira a conquista de duas medalhas Olímpicas.

“Para mim, é um grande prazer velejar essas máquinas da Extreme Sailing `em casa´. A oportunidade de ter o meu irmão Lars, um amante dos multicascos, como técnico, e meu filho Marco como proeiro é muito legal também. Nós sabemos o quão difícil é competir na Extreme Sailing Series. Nós queremos apenas nos divertir na Baía de Guanabara e representar nossa cidade e país na frente do público”, declarou Torben.

O clã Grael será reforçado por outros iatistas de extrema importância. O português Diogo Cayolla se junta ao time com suas campanhas Olímpicas e de America´s Cup na bagagem. Ele será fundamental para o “Team Brasil” por já ter participado de outras edições do Extreme Sailing Series.

“Depois da extraordinária visita em julho passado da Extreme Sailing Series às águas do Rio Douro na minha cidade natal do Porto (Portugal), e tendo sido uma espécie de “embaixador” do evento no meu país, é com grande satisfação que desta vez entrarei em ação em pleno campo de regatas, numa cidade muito especial para mim, onde tenho grandes amigos”, declara Diogo.

Além dele, o especialista em catamarãs, Alex Welter, engrandece a tripulação com sua medalha de ouro Olímpica na classe Tornado.  Para fechar a lista de astros do “Team Brasil”, André Mirsky acrescenta toda sua experiência Olímpica na classe star ao grupo.

Para os outros oito times que farão parte da competição no Rio, quatro deles têm grandes chances de levantar o maior troféu da temporada 2012 – duas equipes de Omã, uma francesa e outra austríaca. Nenhum deles quer voltar para casa de “mãos abanando” e, com os 15 pontos necessários para vencer o Act 8, tudo pode acontecer. Líder desde o Act 2 em Qingdao, na China, o time “The Wave, Muscat” é o que se encontra na posição mais confortável no ranking.

A ação começará no dia 06 de dezembro nas águas abertas da Praia de Copacabana antes de rumarem a arena montada para os três dias seguintes de disputas, na Praia do Flamengo. Os entusiastas do esporte poderão acompanhar o desenrolar dos embates ao vivo pelo SPORTV no domingo, dia 09 de dezembro, a partir das 15h, horário de Brasília.

O Extreme Sailing Series – Act 8 Rio é uma realização da OC Sport, em parceria com Oman Air, Marinepool, Omega, GAC Pindar e Jaguar NeilPryde Racing Series. A BR Marinas é parceira oficial da prova no Brasil, com Revista Náutica e o Canal SPORTV como parceiros de mídia no Rio. A Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro e o Governo do Estado do Rio de Janeiro são apoiadores da etapa final.

Ranking Extreme Sailing Series após Act 7 Nice – França

1. The Wave, Muscat – 61.5 pontos
2. Oman Air – 53 pontos
3. Groupe Edmond de Rothschild – 51 pontos
4. Red Bull Sailing Team – 48.5 pontos
5. GAC Pindar – 39.5 pontos
6. SAP Extreme Sailing Team – 33 pontos
7. Alinghi – 28 pontos
8. ZouLou – 23.5 pontos

Mais informações: www.extremesailingseries.com