Home > Atualidade > Arte & Cultura > Programação de cinema em Paraty para o mês de Junho

Search
Filter by Custom Post Type
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in comments
Search in excerpt

Atalhos de busca: Hospedagem, Gastronomia, Eventos, Passeios, Praias, Centro Histórico

{ "homeurl": "http://www.paratyonline.com/jornal/", "resultstype": "vertical", "resultsposition": "block", "itemscount": 5, "imagewidth": 70, "imageheight": 70, "resultitemheight": "auto", "showauthor": 0, "showdate": 0, "showdescription": 1, "charcount": 3, "noresultstext": "Sem resultados.", "didyoumeantext": "Você quis dizer:", "defaultImage": "http://www.paratyonline.com/jornal/wp-content/plugins/ajax-search-pro/img/default.jpg", "highlight": 0, "highlightwholewords": 1, "openToBlank": 1, "scrollToResults": 1, "resultareaclickable": 1, "autocomplete": { "enabled": 1, "googleOnly": 0, "lang": "pt", "mobile": 1 }, "triggerontype": 1, "triggeronclick": 1, "triggeronreturn": 1, "triggerOnFacetChange": 1, "trigger": { "delay": 300, "autocomplete_delay": 310 }, "overridewpdefault": 0, "override_method": "post", "redirectonclick": 0, "redirectClickTo": "results_page", "redirect_on_enter": 0, "redirectEnterTo": "results_page", "redirect_url": "?s={phrase}", "settingsimagepos": "left", "settingsVisible": 0, "hresulthidedesc": "1", "prescontainerheight": "400px", "pshowsubtitle": "0", "pshowdesc": "1", "closeOnDocClick": 1, "iifNoImage": "description", "iiRows": 2, "iiGutter": 5, "iitemsWidth": 200, "iitemsHeight": 200, "iishowOverlay": 1, "iiblurOverlay": 1, "iihideContent": 1, "loaderLocation": "auto", "analytics": 0, "analyticsString": "", "show_more": { "url": "?s={phrase}", "action": "ajax" }, "mobile": { "trigger_on_type": 1, "trigger_on_click": 1, "hide_keyboard": 0 }, "compact": { "enabled": 0, "width": "100%", "closeOnMagnifier": 1, "closeOnDocument": 0, "position": "static", "overlay": 0 }, "animations": { "pc": { "settings": { "anim" : "fadedrop", "dur" : 300 }, "results" : { "anim" : "fadedrop", "dur" : 300 }, "items" : "fadeInDown" }, "mob": { "settings": { "anim" : "fadedrop", "dur" : 300 }, "results" : { "anim" : "fadedrop", "dur" : 300 }, "items" : "voidanim" } }, "autop": { "state": "disabled", "phrase": "poco", "count": 10 } }

Programação de cinema em Paraty para o mês de Junho

O Cineclube Paraty projeta os melhores filmes e curta metragems em 2 salas: na Casa da Cultura e no Espaço IPHAN (sobrado na esquina da Praça da Matriz) Entrada franca!

CASA DA CULTURA – Terças feiras às 19h30

Dia 5 – O MÁGICO DE OZ (Musical, dir. Victor Fleming, EUA, 1939, 1h42m, livre)
Terra de Oz, um mundo de sonhos que vira realidade : florestas encantadas, espantalhos dançantes e leões cantores, que nos envolve em muita magia e aventura repleto de canções. Uma viagem à Cidade Esmeralda com Dorothy, Espantalho, Homem-de-Lata e Leão Covarde, pela estrada dos Tijolos Amarelos.

Dia 12 – CHICO XAVIER (Drama, dir. Daniel Filho, Brasil, 2009, 2h4m, livre)
Baseado no livro As Vidas de Chico Xavier, do jornalista Marcel Souto Maior. O filme descreve a trajetória de Chico Xavier, que viveu 92 anos desta vida terrena desenvolvendo importante atividade mediúnica e filantrópica. Vida conturbada, com lutas e amor. Seus mais de 400 livros psicografados consolaram os vivos, pregaram a paz e estimularam caridade. Fenômeno? Fraude? Os espíritos existem? Para os admiradores mais fervorosos ele foi um santo. Para os descrentes, no mínimo, um personagem intrigante.

UM CONTO CHINÊS

Dia 19 – UM CONTO CHINÊS (Comédia, dir. Sebastián Borensztein, Argentina, 2011, 1h33m, 12 anos)
Roberto, um veterano da Guerra das Malvinas que vive recluso em sua casa há vinte anos e coleciona manias. Mas esta história é também de Jun, umchinês que apareceu na vida de Roberto depois de ser roubado e arremessado de um taxi em Buenos Aires. Roberto não fala chinês e Jun não falaespanhol. Roberto procura o isolamento e Jun, um tio, seu único parente vivo. Apesar das diferenças e dificuldades Roberto e Jun descobrirão o realmotivo deste encontro inusitado: uma vaca que caiu do céu.

DIA 26 – TRABALHO INTERNO (Documentário, dir. Charles Ferguson, EUA, 2010, 2h, 10 anos)
O primeiro filme a expor a verdade chocante por detrás da crise econômica de 2008. O desastre financeiro global, a um custo de mais de $20 trilhões, que provocou a perda das casas e empregos de milhões de pessoas. Por meio de uma pesquisa extensa e inúmeras entrevistas com pessoas bem-informadas do mundo financeiro, políticos e jornalistas, Inside Job traça o crescimento de uma indústria venal e desvenda o relacionamentocorrosivo que corromperam representantes do mundo da política, do mundo da justiça e do mundo acadêmico. Narrada por Matt Damon, Inside Job foi filmado nos Estados Unidos, Islândia, Inglaterra, França, Cingapura e China.

SALA IPHAN – Quartas feiras às 19 horas

Dia 6 – CENTRAL DO BRASIL (Drama, dir. Walter Salles, Brasil, 1998, 1h52m, 12 anos)
Dora escreve cartas para analfabetos na estação Central do Brasil. Uma de suas clientes é Ana, que vem escrever uma carta com o seu filho, Josué, um garoto de 9 anos, que sonha encontrar o pai que nunca conheceu. Dora acaba envolvendo-se com o menino e levando-o ao interior do nordeste, à procura do pai.

CENTRAL DO BRASIL

Dia 13 – DOUTORES DA ALEGRIA (Documentário, dir. Mara Mourão, Brasil, 2006, 1h37m, livre)
O filme retrata o trabalho do grupo de artistas que trabalha com crianças hospitalizadas, e vai além, convidando-nos a pensar sobre o papel da arte em nossas vidas.

Dia 20 – ESTAMIRA (Documentário, dir. Marcos Prado, Brasil, Brasil, 2004, 1h56m, 10 anos)
É a história de uma mulher de 63 anos que sofre de distúrbios mentais e que durante 20 anos viveu e trabalhou no Aterro Sanitário de Jardim Gramacho. Carismática e maternal, Dona Estamira convive com um pequeno grupo de catadores idosos num local renegado pela sociedade, que recebe diariamente mais de 8 mil toneladas de lixo produzido no Rio de Janeiro.

Dia 27 – AS CANTORAS DO RÁDIO (Documentário, dir. Gil Baroni e Marcos Avellar, Brasil, 2008, 1h25m, livre)Resgata passagens da Era de Ouro do rádio, entre 1930 e 1950, período no qual o rádio se consolidou como o veículo de massas no Brasil. O fio condutor do filme é o show Estão Voltando as Flores, com direção e roteiro do pesquisador Ricardo Cravo Albin, no qual se apresentaram quatro expoentes da época: Carmélia Alves, Carminha Mascarenhas, Violeta Cavalcanti e Ellen de Lima.

Filiado a Ascine-RJ e ao CNC -Conselho Nacional de Cineclubes Brasileiros